Pedro Veniss termina em 5o e Brasil fica sem medalha nos saltos

Pedro Veniss e Quabri de L'isle (foto: Aida Nunes)
Pedro Veniss e Quabri de L’isle (foto: Aida Nunes)

O Pan 2015 não foi dos melhores para o hipismo brasileiro na modalidade Salto. Após terminar a competição por equipes em quarto lugar, o Brasil também ficou fora do pódio na disputa individual, que teve a final neste sábado. É a primeira vez desde 1987 que o time de saltos volta para casa sem nenhuma medalha.

Após Eduardo Menezes ficar em 8o lugar em duas provas realizadas hoje e não se classificar para a final, Pedro Veniss era a esperança do Brasil. O cavaleiro perdeu quatro pontos na primeira apresentação e zerou a segunda, terminando a terceira empatado com outros cinco conjuntos, valendo o bronze.

Foi por pouco! Montando Quabri de L’isle, Veniss acabou cometendo mais uma falta no desempate e amargou a 5a colocação. O cavaleiro Marlon Zanotelli, brasileiro mais bem colocado no ranking internacional, não chegou a ir para a final. Já Felipe Amaral, que tem apenas 23 anos, terminou a competição em 11olugar.

O 3o lugar ficou com a americana Lauren Hough, única a zerar o jump-off pela medalha de bronze. Os Estados Unidos também levaram o ouro no desempate, com o cavaleiro Mclain Ward. O atual 5o colocado no ranking da FEI desbancou o ginete Andrés Rodríguez, que perdeu o primeiro lugar no pódio, mas garantiu a primeira medalha na história do hipismo venezuelano em Jogos Pan-americanos.